Notas do blog

Quem vai pagar o “pato” é a população, se não houver acordo passagem dos coletivos pode aumentar em São Luís

Uma nova rodada de conversa de negociações acontecerá nesta quarta-feira(7), com o sindicato dos Rodoviários do Maranhão, Ministério Público do Trabalho e representantes do município, afim de tentarem evitar uma possível greve de ônibus na capital.

Na última quarta-feira(31), houve uma reunião com as categorias mas não chegaram em um acordo. A entidade ameaça greve para os próximos dias, caso patrões e empregados não cheguem a um entendimento na audiência de mediação. O encontro entre as classes vai acontecer cede do Ministério Público do Trabalho, às 14h, na reunião será definida a nova Convenção Coletiva de Trabalho.

“Em respeito a justiça, estamos acatando o pedido de não realizar nenhum movimento grevista até o dia 07, mas se até a próxima mediação não nos for apresentada uma proposta que atenda os nossos anseios, a partir desta data, retomaremos o Estado de Greve e consequentemente, deflagraremos a paralisação no transporte público de São Luís”, alerta Isaías Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do MA

Enquanto nada é resolvido entre patrões e empregados, os trabalhadores usuários do transporte vivem na indecisão e de uma possível paralisação. E  o pior, é que a população já sente cheiro de um aumento de passagem onde irá pesar no bolso e pagar mais caro já é algo previsto com tanto impasse e nada é resolvido, mesmo o prefeito Edivaldo Holanda afirmar que não haverá aumento a insegurança ainda é grande. O próximo ano está chegando e com ele o aumento da passagem do transporte coletivo de São Luís. .

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *